Vermelho sim, sangrando não!

Você também não come carne mal passada porque pensa que aquele líquido vermelho é sangue?


“ODEIO CARNE SANGRANDO!”

O que dizer quando alguém te fala isso?

Vamos desmistificar esta lenda urbana: o que você está vendo não é sangue.

Quase todo o sangue que corre nas veias e artérias do animal jamais chega ao açougue. Imagine, então, no seu prato!

Logo após o abate do animal, o sangue é escoado, sobrando muito pouco no coração e pulmões.

O sangue é vermelho porque contém a proteína chamada hemoglobina, presente apenas no tecido sanguíneo.

Já a cor vermelha da carne que comemos não é por causa da hemoglobina, e sim, da mioglobina. Ao ser cozida, ela fica marrom, enquanto o filé mal passado permanecerá vermelho. Portanto, vermelho sim, sangrando não!

Dica inflamável: Vale ressaltar que o consumo de qualquer carne merece atenção especial em seu preparo com o objetivo de preservar seu bem-estar.