Como o covid-19 mudou a minha rotina


Na última semana eu fiz o teste para detecção dos anticorpos do covid-19...

Não fiz por estar com os sintomas. Fiz pois tive uma forte gripe no início do mês de março, na semana em que precisei cancelar minha viagem de aniversário para Aruba e tomar a difícil decisão de adiar o Programa C@rne 4.0 – dias antes de ser declarado pandemia aqui no Brasil...

Por falar nisso, o post de hoje é para contar como o Covid-19 mudou a minha rotina.

Bom, fato que para muitas pessoas no Brasil e no mundo, as determinações de quarentena mudaram muito como as pessoas se comportam, trabalham, consomem, se relacionam, etc...

Pra mim não foi bem assim e vou te contar o porquê:

Minha empresa nasceu em 2017 com a finalidade de produzir e comercializar cursos online para o varejo de carne bovina. Eu a criei pois, enquanto gerente de produção e depois gerente de qualidade de uma fabrica que produz as marcas DOC e 481 eu raramente conseguia me ausentar da operação para estudar, necessitando fazer isso durante a noite e aos finais de semana. Ou seja, já mirava nas dificuldades de deslocamento e tempo para se capacitar, precisando recorrer aos conteúdos online desde 2013.

Por conta disso, meu escritório era em minha casa. Poderia trabalhar de qualquer lugar que tivesse uma boa conexão de internet e meu computador. Aulas, mentorias, reuniões, etc. Tudo feito via plataformas especificas. Hoje, com duas colaboradoras morando em outras cidades, já tínhamos como rotina nossa reunião diária via whatsapp vídeo – todos os dias.

Mas essa vida “remota” não podia ficar só no meu trabalho, como sempre viajei muito, todo o resto das atividades da minha vida precisavam ter alternativas online tbm... 

Minhas sessões de terapia aconteciam por Skype (desde 2015, quando me mudei de Jundiaí e fui morar nos EUA);

Por morar em uma cidade com muito trânsito, precisava de recursos para economizar tempo... Com isso, aplicativos como Apptite e Rappi já eram minhas escolhas na hora de ir ao mercado, ou seja, pedia pelo app e recebia em casa; Até minhas compras de carne aconteciam via e-commerce.

Apesar de ter voltado a pagar academia, sem saber da pandemia, no inicio de março eu fiz um call com o @caipiraloko – personal trainer - dizendo que queria voltar a treinar em casa. O trabalho dele é entender a necessidade do cliente e passar um treino por dia via whatsapp. Sendo assim, treinar em casa não está sendo nenhuma novidade e eu sigo com a rotina de antes da quarentena. 

Por fim, quem me conhece sabe que não gosto da rotina de salão de beleza e acho que se perde muito tempo indo até lá. Sendo assim, desde que voltei da Europa, em 2018, sou usuária ativa do aplicativo @singu, no qual profissionais como manicure e depiladora vão até sua casa com horário marcado.

Por que eu compartilhei tudo isso com você? Pois a mudança no mundo já havia chegado muito antes desta pandemia. Em épocas que eu dizia preferir otimizar o tempo de ir até o consultório da minha psicóloga, preferindo fazer a sessão por celular as pessoas me chamavam de maluca...

Hoje posso dizer que, diferente do que aconteceu com a maioria das pessoas durante a quarentena, somente duas coisas mudaram consideravelmente minha rotina: Viagens (palestras e lazer). e Vida Gastronômica.

Viagens porque depois de viajar para 9 países nos últimos dois anos fica difícil ficar longe do aeroporto e vida gastronômica porque eu amo poder ir a um bom restaurante, bem acompanhada para tomar um bom vinho, analisar o atendimento, os ingredientes, a musica, o ambiente. Por fazer parte do meu trabalho, dificilmente consigo separar as coisas e não fazer nenhum tipo de análise...

Exceto isto, o restante da minha vida já estava na era 4.0. Já estava preparado para esta revolução online e eu mal me dava conta.

E para você, como o covid-19 mudou a sua rotina? Conta aqui pra mim e como fez para driblá-lo!